Informações sobre pós-coronavírus em Orlando e Miami
Dicas

Informações sobre pós-coronavírus em Orlando e Miami

Confira informações importantes sobre pós-coronavírus em Orlando e Miami, para se inteirar e tomar os cuidados necessários durante a sua viagem. Se você pretende ir à Flórida em um futuro próximo, ou já está com a sua viagem agendada, saiba como está a situação nesse estado durante esse período de pandemia. Nós daremos alguns detalhes sobre os cuidados para se tomar ao passear pela região, e qual o plano de reabertura econômica planejado para os próximos meses. Veja a seguir as informações sobre pós-coronavírus em Orlando e Miami.

Informações sobre pós-coronavírus em Orlando e Miami: Universal CityWalk

E depois de ver todas as dicas sobre as informações sobre pós-coronavírus em Orlando e Miami, uma dica legal para aproveitar muito mais sua viagem é não deixar de ver também a matéria de como economizar muito em Orlando. São dicas imperdíveis que vão fazer você economizar muito dinheiro em toda a sua viagem com informações importantes e comparadores de preços excelentes que vão fazer você achar o melhor preço em todo o planejamento e economizar muito nos parques temáticos de Orlando. Dá para economizar muito mesmo.

Como está a situação do Covid-19 em Orlando e Miami?

Entre as principais informações sobre pós-coronavírus em Orlando e Miami, está a situação atual nessas regiões e os cuidados necessários a se tomar. Enquanto nos Estados Unidos, o número de infectados já passa de 1,8 milhão, na Flórida são mais de 52 mil casos confirmados, segundo dados mais recentes. Ainda assim, o estado tomou medidas urgentes logo no início da pandemia, fechando seus pontos turísticos, restaurantes, comércios e decretando uma quarentena mais rígida aos seus residentes. Devido à rígida atuação no combate ao vírus, a partir de maio muitos locais puderam iniciar seus processos de reabertura, porém com restrições pré-estabelecidas.

Informações sobre pós-coronavírus em Orlando e Miami: Covid-19

Quando será seguro viajar a Orlando e Miami?

Embora alguns lugares, como parques, restaurantes e centros comerciais, estejam reabrindo, a evolução dos casos de Covid-19 estão sendo observados, assim como a eficácia das medidas de contenção do vírus. As restrições para os viajantes estão bastante rígidas e, por enquanto, não é permitida a entrada de brasileiros nos Estados Unidos, de acordo com decisão tomada pelo governo em maio.

Informações sobre pós-coronavírus em Orlando e Miami: vista de Miami

Acredita-se que será seguro visitar a Flórida somente a partir do segundo semestre de 2020. Porém, é importante se atentar às notícias recentes que serão divulgadas durante este período e à volta da permissão da entrada de brasileiros no país, que ainda está incerta. Confira também antecipadamente os voos com escalas em outros países, que podem estar com situação grave em relação à pandemia no período de sua viagem.

Informações sobre pós-coronavírus em Orlando e Miami: viagem

Cuidados necessários na viagem pós-coronavírus em Orlando e Miami

Segundo recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) para evitar o contágio e proliferação do Covid-19, é importante evitar aglomerações e manter uma distância de pelo menos 1 metro de outra pessoa. A utilização de máscaras ao sair de casa é essencial, e inclusive já se tornou um item obrigatório em diversas partes do mundo. Todos devem lavar bem as mãos (dedos, unhas, punho, palma e dorso) com água e sabão frequentemente, e quando não for possível, higienizá-las com álcool em gel.

Informações sobre pós-coronavírus em Orlando e Miami: fila com distanciamento

Também é necessário cobrir nariz e boca com um lenço de papel ao tossir ou espirrar, e em seguida descartá-lo no lixo, e se não estiver com um lenço, cubra com o braço (parte do cotovelo), mas nunca com as mãos. Além disso, é importante evitar tocar em olhos, nariz e boca quando as mãos não estiverem higienizadas, e não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, copos e garrafas. Utilize também o álcool em gel para higienizar objetos que inevitavelmente terá o contato de mais pessoas, como telefones, maçanetas, cadeiras e teclados.

Informações sobre pós-coronavírus em Orlando e Miami: lavando as mãos

Plano de reabertura econômica em Orlando, Miami e nos Estados Unidos

O plano de reabertura econômica nos Estados Unidos (chamado “Opening Up American Again”) tem por objetivo iniciar um desconfinamento aos poucos, com o relaxamento das medidas restritivas conforme alguns pré-requisitos. Ele será feito apenas em áreas com queda no número de casos do novo coronavírus, enquanto permanecem as restrições mais rígidas em áreas mais afetadas. Ainda assim, o distanciamento social, utilização de máscaras e outras medidas de prevenção permanecem para todas as regiões. Serão três fases de reabertura e cada estado definirá as datas para cada uma. Para passar de uma fase a outra, é necessário cumprir os seguintes requisitos:

  • Trajetória descendente de doença semelhante à influenza e de outros casos semelhantes ao Covid-19, relatados em um período de 14 dias.
  • Trajetória descendente de casos documentados e de testes positivos para o Covid-19 em um período de 14 dias.
  • Hospitais tratarem todos os pacientes sem sobrecarregamento e programa de teste robusto em vigor para profissionais da saúde, incluindo testes de anticorpos emergentes.

Informações sobre pós-coronavírus em Orlando e Miami: família utilizando máscaras

Fase 1 do plano de reabertura econômica na Flórida

Na Flórida, a fase 1 iniciou no dia 18 de maio. Veja a seguir algumas medidas detalhadas, divulgadas pelo governador do estado, Ron DeSantis:

  • Restaurantes e outros estabelecimentos: podem aumentar sua capacidade interna para 50%, com distanciamento social adequado, além de encorajar lugares ao ar livre.
  • Lojas: podem operar com até 50% de sua capacidade em ambientes fechados.
  • Museus e livrarias: podem operar com até 50% de sua capacidade, desde que permitido pelos governadores locais.
  • Academias e centros fitness: podem operar com até 50% de sua capacidade, com auto-higienização de máquinas e superfícies após o uso.
  • Parques de diversão: podem reenviar plano de reabertura ao Estado (cada parque terá sua data de reabertura).
  • Instalações esportivas profissionais: as equipes esportivas profissionais são bem-vindas na Flórida e os locais esportivos profissionais podem abrir e operar para jogos, eventos e treinamento.
  • Alojamentos de férias: os condados podem buscar aprovação para operar alojamentos de férias, enviando uma solicitação por escrito e um plano de segurança para esses estabelecimentos do condado ao Florida Department of Business and Professional Regulation (em português, Departamento de Regulação Comercial e Profissional da Flórida).
  • Cirurgias eletivas: as cirurgias eletivas podem continuar se uma instalação tiver EPI adequado, capacidade de aumento de leitos hospitalares e trabalhar com a comunidade local para prevenir e/ou conter surtos em instalações de cuidados prolongados.
  • Salões de beleza e barbearias: podem operar enquanto respeitarem os protocolos de segurança em vigor desde o dia 11 de maio.
  • Escolas: os alunos continuam com o ensino a distância.
  • Instalações de cuidado de longo prazo (como hospitais e assistência social): proibida a visitação nesses locais; os hospitais devem testar todos os indivíduos antes de dar-lhes alta; essas instituição devem transferir residentes positivos para Covid-19 caso elas não estejam bem equipadas para os cuidados adequados.
  • Atividades organizadas para jovens (como creches e acampamentos): a partir de 22 de maio de 2020, as atividades organizadas para jovens poderão operar, incluindo equipes e ligas esportivas, clubes e programas para jovens e assistência à infância. Acampamentos de verão e acampamentos para jovens também podem funcionar.

Informações sobre pós-coronavírus em Orlando e Miami: esportes

Fase 2 do plano de reabertura econômica na Flórida

Caso as cidades cumpram todos os requisitos de 14 dias, está permitido o início da fase 2 de reabertura. Nela, estão permitidas as reuniões públicas de no máximo 50 pessoas, todas as atividades organizadas para jovens e todos os tipos de viagens, inclusive as não-essenciais. Veja a seguir mais recomendações divulgadas pelo governo dos Estados Unidos:

  • Os bares e escolas podem reabrir, mantendo o distanciamento necessário entre as pessoas e higienização rígida. Vale destacar que os bares devem ter sua capacidade reduzida.
  • Os restaurantes, salas de cinema, locais esportivos e locais de culto podem operar sob protocolos físicos moderados de distanciamento.
  • As academias e centros fitness podem permanecer reabertos seguindo protocolos rígidos de distanciamento e saneamento.
  • Todos os indivíduos vulneráveis (que fazem parte do grupo de risco) devem continuar em casa e quem reside com essas pessoas devem tomar precauções para isolá-las.
  • Os ambientes sociais com mais de 50 pessoas, onde não é possível o distanciamento apropriado entre seus visitantes, devem ser evitados.
  • Deve manter o encorajamento ao telework sempre que possível.
  • As áreas comuns de empresas em que é provável a reunião de pessoas devem seguir protocolos moderados de distanciamento social ou serem fechadas.
  • As visitas às instalações de cuidado de longo prazo (como hospitais e assistência social) permanecem proibidas.
  • As cirurgias eletivas podem ser retomadas, conforme clinicamente apropriado, em nível ambulatorial e hospitalar em instalações que cumpram as diretrizes do CMS.

Informações sobre pós-coronavírus em Orlando e Miami: restaurante

Fase 3 do plano de reabertura econômica na Flórida

Para os estados e regiões que cumprem os requisitos pela terceira vez, inicia-se a fase 3 de reabertura. Veja a seguir as recomendações divulgadas pelo governo dos Estados Unidos:

  • Os indivíduos vulneráveis (que fazem parte do grupo de risco) já podem sair de casa, desde que mantenham o distanciamento físico necessário.
  • Os bares e academias podem receber maior capacidade de clientes, porém ainda seguindo protocolos de saneamento padrão e minimizando a exposição a ambientes sociais onde o distanciamento não pode ser prático, a menos que sejam observadas medidas de precaução.
  • Os restaurantes, salas de cinema, locais esportivos e locais de culto podem operar sob protocolos físicos moderados de distanciamento.
  • As visitas às instalações de cuidado de longo prazo (como hospitais e assistência social) podem ser retomadas. Todos os visitantes e aqueles que interagem com residentes e pacientes devem ser diligentes em relação à higiene.

Informações sobre pós-coronavírus em Orlando e Miami: bar

Muito mais dicas de Orlando no Youtube!

Está gostando da matéria? Não deixe de visitar também o nosso canal no Youtube. Tem vários vídeos incríveis de Orlando e Miami, com muito mais dicas, para te ajudar a planejar toda a sua viagem. Se quiser, clique aqui para se inscrever no canal, aqui para ver a playlist com todos os vídeos de Orlando, ou ainda aqui para ver a playlist com todos os vídeos de Miami. Esse vídeo é o mais assistido do canal:

Como economizar muito na viagem a Orlando

Dicas para usar o seu celular em Orlando

Uma dica muito útil é para você poder usar o seu celular à vontade em Orlando e na Disney, pois ele acaba facilitando muito sua vida com a internet funcionando. Você pode usar os aplicativos da Disney, da Universal e dos parques de diversões que são incríveis e te ajudam a planejar todo seu dia dentro dos parques, ver as filas e reservar restaurantes. Usar o celular é muito útil em toda a viagem, como na hora das compras para poder usar os aplicativos de cupons de desconto, pesquisar os endereços das lojas, shoppings e outlets, e se comunicar com quem estiver junto de você dentro dos enormes centros de compras. E poderá pesquisar tudo sobre as informações sobre pós-coronavírus em Orlando e Miami.

Aplicativo da Universal Orlando

E no final a conta sairá mais que de graça, pois você economizará uns 90 dólares por não precisar alugar um GPS para o carro, pois poderá usar o do celular, e ainda pode pesquisar os endereços e horários dos lugares, ver a previsão do tempo para se planejar para os passeios e parques, e lógico ficar conectado com todo mundo através de aplicativos e postar suas fotos da viagem a Orlando e da Disney nas redes sociais. Se quiser saber mais, veja a matéria de como usar o seu celular à vontade em Orlando. Existe um chip americano super barato que é ótimo, eles entregam na sua casa no Brasil e você usa seu celular à vontade lá na Flórida.

Dicas para curtir muito mais sua viagem à Disney e Orlando

Agora que já demos todas as dicas sobre as informações sobre pós-coronavírus em Orlando e Miami, veja mais algumas dicas que vão fazer sua viagem à Disney e Orlando ficar ainda melhor. Orlando é uma cidade grande e os seus parques de diversões e outlets ficam bem distribuídos, então ficar bem localizado e perto dos principais pontos turísticos faz toda a diferença. Se você ainda não reservou seu hotel, não deixe de ver nossa matéria de onde ficar em Orlando, com as dicas das melhores regiões e também de como conseguir um ótimo hotel por um preço excelente (e achar hotéis excelentes em promoção). Você vai ficar na melhor região, perto de todas as lojas, shoppings e outlets, e curtir muito mais sua viagem. Mesmo ficando bem localizado, não deixe de alugar um carro em Orlando.

Onde ficar em Orlando e na Disney

Outra dica importante é não deixar de alugar um carro em Orlando. Os outlets, shoppings, a Disney e os parques de diversões não ficam tão perto, e com o carro você chega a qualquer lugar em menos de 20 minutos. E para fazer compras o carro é ainda mais essencial. Se quiser, veja nossa matéria completa de aluguel de carro em Orlando com tudo o que você precisa saber e como conseguir preços incríveis usando comparadores de preços excelentes e conseguindo carros em promoção. É muito mais barato do que as pessoas pensam e vale muito a pena para curtir ainda mais suas férias. E com o carro você pode viajar para as praias que ficam pertinho de Orlando ou ir até Miami que está a menos de 4 horas de lá. A viagem a Orlando é uma das viagens que o carro é mais importante e mais ajuda no dia a dia.

Não se esqueça do Seguro Viagem Internacional

Outra dica é não esquecer de fazer o Seguro Viagem Internacional de jeito nenhum, pois ele é importantíssimo e ninguém deve sair do Brasil sem fazer um. Se quiser, veja nossa matéria de Seguro Viagem para Orlando e os EUA e veja dicas de como fazer um bom seguro e conseguindo um preço incrível. É super barato e vale muito a pena.

Veja outras matérias da Disney e Orlando:

Melhores shoppings e outlets de Orlando
Parques da Disney World em Orlando
Melhores parques de diversões de Orlando

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *